Home/Pós-Graduação/Mestrado/Processo Seletivo

Processo Seletivo

Aqui você encontra as etapas do Processo Seletivo dos cursos de Mestrado Profissional.

 

Mestrado Profissional em Administração

Encontro com a Coordenação

Uma ótima oportunidade para conhecer nossas instalações, tirar possíveis dúvidas e entender como o curso pode atender às suas expectativas e necessidades profissionais. Clique aqui e faça a sua inscrição no evento. A participação é opcional.

Pré-requisitos para o Mestrado Profissional em Administração

  • Graduação em curso de nível superior
  • Leitura fluente em língua inglesa
  • Desejável, pelo menos, 2 anos de experiência profissional
  • Adesão ao Código de Ética e Conduta do Insper 
  • Notebook não é obrigatório, mas auxilia no aproveitamento de algumas disciplinas

O Processo Seletivo para ingresso no Mestrado Profissional em Administração segue as seguintes etapas:

1: Formulário de admissão – Inscrições prorrogadas até 18/07

O formulário de admissão é parte integrante do processo de avaliação de sua candidatura, assim, é recomendável que você descreva de forma completa e detalhada a sua experiência profissional atual, bem como sua formação acadêmica. Para preencher o formulário, acesse o link: Formulário de admissão

Comunidade Alumni: a concessão de desconto para os alumni candidatos aos mestrados será definida anualmente por ocasião do início do processo seletivo. Mais informações, acesse a página Alumni. 

2: Pagamento da taxa de inscrição

Ao término do preenchimento do formulário, você deverá selecionar uma das formas de pagamento: cartão de crédito ou boleto bancário. A taxa de inscrição é de R$ 250,00.

IMPORTANTE: O pagamento da taxa de inscrição é obrigatório para dar continuidade ao processo seletivo. Em caso de desistência, o valor não será restituído.

3: Lista de Documentos para o processo seletivo

Os documentos abaixo são necessários para o processo de avaliação da coordenação 

  • Uma cópia do resultado do GMAT®, GRE, ANPAD, TRLQ (o resultado parcial é temporariamente aceito, mas o final e oficial deve ser apresentado antes da fase de entrevistas)
  • Submissão de cópia eletrônica do histórico escolar de graduação
  • Curriculum Vitae

 

Para ANPAD, GRE ou GMAT não serão aceitas notas obtidas antes de 2016. O Comitê de Avaliação se reserva o direito de analisar os resultados das provas de acordo com critério interno.

O TRLQ ERT (Teste de Raciocínio Lógico Quantitativo com English Reading Test) é realizado pela empresa Primeira Escolha  ao custo de R$ 190,00. Os testes são realizados no campus do Insper. Esta opção é válida também para os candidatos que já tenham realizado GRE, GMAT ou ANPAD. Neste caso, fica a critério do candidato escolher qual nota apresentará para análise. Caso o candidato considere seu desempenho no TRLQ insuficiente, um novo teste poderá ser realizado mediante pagamento de taxa com mesmo valor (R$ 190,00). A nota final será a média dos dois testes.

4: Entrevista e Análise de Documentos

A entrevista é etapa obrigatória do processo seletivo, podendo aprovar ou não o candidato. E tem como objetivo alinhar expectativas sobre sua admissão.

5: Análise de desempenho e aprovação pelo Comitê de Admissão

O desempenho em todas as etapas é analisado pelo Comitê de Admissão. Os candidatos aprovados são convocados para a matrícula, e os reprovados, devidamente informados.

Divulgação da 1ª lista de aprovados: 19 de julho de 2018

Matrículas: até 21 de julho de 2018

São documentos obrigatórios para matrícula de novos alunos nos cursos de pós-graduação stricto sensu:

  • RG ou RNE, conforme Lei 7088/1983;
  • CPF – Cadastro de Pessoa Física;
  • Comprovante de Residência;
  • Certidão de Nascimento ou de Casamento, conforme Portaria MEC 33/1978;
  • Certificado de Dispensa de Incorporação ou Reservista do Serviço Militar (somente para candidatos do sexo masculino), conforme Lei 4375/1964;
  • Certidão de Quitação Eleitoral, conforme Lei 4737/1965;
  • Diploma de graduação reconhecido no Brasil (frente e verso), conforme Portaria MEC 33/1978.

§ 1º No caso de diplomas de graduação obtidos fora do Brasil, é necessária sua tradução juramentada, apostilamento no país de origem e revalidação, de acordo com a legislação vigente.
§ 2º O certificado de conclusão de curso superior, com indicação expressa da colação de grau prevista ou realizada, é aceito provisoriamente por um período máximo de 6 (seis) meses.

* Os candidatos que obtiveram seu diploma de graduação no exterior devem apresentar, obrigatoriamente, a revalidação de seu título por uma universidade pública brasileira (conforme a Resolução MEC/CNE nº 8 de 04/10/2007). Dessa forma, é necessário providenciar, entre outros documentos: cópias autenticadas, consularizadas e com tradução juramentada do diploma, do histórico escolar e do conteúdo programático, que deverão ser devidamente protocolados em instituição como, por exemplo, USP ou UNICAMP.

6: Início das aulas: 23 de julho de 2018

 

Mestrado Profissional em Administração

Confira a lista de aprovados no Mestrado Profissional em Administração 2017.

Mestrado Profissional em Economia

Encontro com a coordenação

O Encontro com a Coordenação é uma ótima oportunidade para conhecer nossas instalações, tirar possíveis dúvidas e entender como o curso pode atender às suas expectativas e necessidades profissionais. Clique aqui e faça a sua inscrição.

Pré-Requisitos

O Processo Seletivo para ingresso no Mestrado Profissional em Economia segue as seguintes etapas:

1. Formulário de admissão (até 25/10/2018 – inscrição prorrogada até 27/11/2018)

O formulário de admissão é parte do processo de avaliação de sua candidatura, assim, é recomendável que você descreva de forma completa e detalhada a sua experiência profissional, bem como sua formação acadêmica. Para preencher o formulário, acesse o link:  Formulário de admissão .

Comunidade Alumni: a concessão de desconto para os alumni candidatos aos mestrados será definida anualmente por ocasião do início do processo seletivo. Mais informações, acesse a página Alumni.

2. Pagamento da taxa de inscrição

Ao término do preenchimento do formulário, você deverá selecionar uma das formas de pagamento: cartão de crédito ou boleto bancário. A taxa de inscrição é de R$ 250,00.

IMPORTANTE: O pagamento da taxa de inscrição é obrigatório para dar início ao processo seletivo. Em caso de desistência, o valor não será restituído.

3. Lista de Documentos para o processo seletivo (entrega até o dia 26/10/2018 – prorrogada até 29/11/2018)

Os documentos abaixo são necessários para o processo de avaliação da coordenação 

  • Cópia do resultado do GMAT®1, GRE1 , ANPEC1, TRLQ2 do ano corrente (o resultado parcial é temporariamente aceito, mas o final e oficial deve ser apresentado antes da fase de entrevistas)
  • Submissão de cópia eletrônica do histórico escolar de graduação
  • Curriculum Vitae

1 Para ANPEC, GRE ou GMAT não serão aceitas notas obtidas antes de 2016. O Comitê de Avaliação se reserva o direito de analisar os resultados das provas de acordo com critério interno.
2 O TRLQ ERT (Teste de Raciocínio Lógico Quantitativo com English Reading Test) é realizado pela empresa Primeira Escolha ao custo de R$ 190,00. Os testes são realizados no campus do Insper. Esta opção é válida também para os candidatos que já tenham realizado GRE, GMAT ou ANPEC. Neste caso, fica a critério do candidato escolher qual nota apresentará para análise. Caso o candidato considere seu desempenho no TRLQ insuficiente, um novo teste poderá ser realizado mediante pagamento de taxa com mesmo valor (R$ 190,00). A nota final será a média dos dois testes.

Confira uma amostra da prova de Matemática do TRLQ.

4. Entrevista e Análise de Documentos (29/10 a 09/11/2018 – prorrogada até 07/12/2018)

Candidatos com documentação aprovada e que apresentarem resultado do GMAT, GRE, ANPEC, TRLQ ou prova interna do Insper, poderão ser convocados para entrevista com um membro do Comitê de Admissão.

5. Análise de desempenho e aprovação pelo Comitê de Admissão

O desempenho em todas as etapas é analisado pelo Comitê de Admissão.

Os candidatos aprovados são convocados para a matrícula. Os demais candidatos serão devidamente informados a respeito do resultado de seu processo de seleção.

6. Lista de Aprovados

Confira a primeira lista de aprovados no processo seletivo do MPE.

A segunda lista de aprovados será divulgada no dia 10/12/2018.

7. Matrículas (Primeira Lista de 13 a 23/11/2018 e Segunda Lista até 20/12/2018):

São documentos obrigatórios para matrícula de novos alunos nos cursos de pós-graduação stricto sensu:

  • RG ou RNE, conforme Lei 7088/1983;
  • CPF – Cadastro de Pessoa Física;
  • Comprovante de Residência;
  • Certidão de Nascimento ou de Casamento, conforme Portaria MEC 33/1978;
  • Certificado de Dispensa de Incorporação ou Reservista do Serviço Militar (somente para candidatos do sexo masculino), conforme Lei 4375/1964;
  • Certidão de Quitação Eleitoral, conforme Lei 4737/1965;
  • Diploma de graduação reconhecido no Brasil (frente e verso), conforme Portaria MEC 33/1978.

§ 1º No caso de diplomas de graduação obtidos fora do Brasil, é necessária sua tradução juramentada, apostilamento no país de origem e revalidação, de acordo com a legislação vigente.
§ 2º O certificado de conclusão de curso superior, com indicação expressa da colação de grau prevista ou realizada, é aceito provisoriamente por um período máximo de 6 (seis) meses.

* Os candidatos que obtiveram seu diploma de graduação no exterior devem apresentar, obrigatoriamente, a revalidação de seu título por uma universidade pública brasileira (conforme a Resolução MEC/CNE nº 8 de 04/10/2007). Dessa forma, é necessário providenciar, entre outros documentos: cópias autenticadas, consularizadas e com tradução juramentada do diploma, do histórico escolar e do conteúdo programático, que deverão ser devidamente protocolados em instituição como, por exemplo, USP ou UNICAMP.

 

Mestrado Profissional em Políticas Públicas

Encontro com a Coordenação

Uma ótima oportunidade para conhecer nossas instalações, tirar possíveis dúvidas e entender como o curso pode atender às suas expectativas e necessidades profissionais. Clique aqui e faça a sua inscrição no evento. A participação é opcional.

Pré-Requisitos para o Mestrado Profissional em Políticas Públicas

  • Graduação em curso de nível superior
  • Leitura fluente em língua inglesa
  • Adesão ao Código de Ética e Conduta do Insper
  • Interesse em transformar a gestão pública brasileira por meio de políticas públicas consistentes e voltadas ao interesse coletivo

O Processo seletivo para ingresso no Mestrado Profissional em Políticas Públicas segue as seguintes etapas:

1: Formulário de admissão – Inscrições até 22/02/2019

O formulário de admissão é parte integrante do processo de avaliação de sua candidatura, assim, é recomendável que você descreva de forma completa e detalhada a sua experiência profissional atual, bem como sua formação acadêmica. Para preencher o formulário, acesse o link: Formulário de admissão

Comunidade Alumni: a concessão de desconto para os alumni candidatos aos mestrados será definida anualmente por ocasião do início do processo seletivo. Mais informações, acesse a página Alumni.

2: Lista de Documentos para o processo seletivo

Os documentos abaixo são necessários para o processo de avaliação da coordenação   

  • Uma cópia do resultado de um dos seguintes exames: GMAT®, GRE, ANPAD, ANPEC ou TRLQ
  • Submissão de cópia eletrônica do histórico escolar de graduação
  • Curriculum Vitae
  • Declaração assegurando disponibilidade de dedicação integral ao curso nos quatro trimestres iniciais

Não serão aceitas notas obtidas nos exames de proficiência citados acima que forem anteriores a 2016. O Comitê de Avaliação se reserva o direito de analisar os resultados das provas de acordo com critério interno.

O TRLQ (Teste de Raciocínio Lógico Quantitativo) é realizado pela empresa Primeira Escolha e é custeado pelo candidato (valor de R$ 150,00). O teste é online e a opção é válida também para os candidatos que já tenham realizado GRE, GMAT, ANPAD ou ANPEC. Neste caso, fica a critério do candidato escolher qual nota apresentará para análise do Comitê de Avaliação. Caso o candidato considere seu desempenho no TRLQ insuficiente, um novo teste poderá ser realizado mediante pagamento de taxa com mesmo valor. Recomenda-se que o candidato apresente o teste que tiver a nota mais alta.

3: Entrevistas (11/03/2019 a 15/03/2019)

Após a análise da documentação, será divulgada a lista de convocados para as entrevistas. Nessa etapa, o Comitê de Admissão verificará o interesse e a aderência dos participantes ao curso, podendo solicitar esclarecimentos adicionais sobre a documentação inicial. A entrevista é obrigatória no processo seletivo e poderá ser presencial ou à distância, caso o participante resida fora da cidade de São Paulo.

4: Análise de desempenho e aprovação pelo Comitê de Admissão (Divulgação da 1ª lista de aprovados: 20/03/2019)

O desempenho em todas as etapas é analisado pelo Comitê de Admissão. Os candidatos aprovados são convocados para a matrícula, e os reprovados, devidamente informados.

5: Matrículas (21/03/2019 a 02/04/2019)

São documentos obrigatórios para matrícula de novos alunos nos cursos de pós-graduação stricto sensu:

  • RG ou RNE, conforme Lei 7088/1983;
  • CPF – Cadastro de Pessoa Física;
  • Comprovante de Residência;
  • Certidão de Nascimento ou de Casamento, conforme Portaria MEC 33/1978;
  • Certificado de Dispensa de Incorporação ou Reservista do Serviço Militar (somente para candidatos do sexo masculino), conforme Lei 4375/1964;
  • Certidão de Quitação Eleitoral, conforme Lei 4737/1965;
  • Diploma de graduação reconhecido no Brasil (frente e verso), conforme Portaria MEC 33/1978.

§ 1º No caso de diplomas de graduação obtidos fora do Brasil, é necessária sua tradução juramentada, apostilamento no país de origem e revalidação, de acordo com a legislação vigente.
§ 2º O certificado de conclusão de curso superior, com indicação expressa da colação de grau prevista ou realizada, é aceito provisoriamente por um período máximo de 6 (seis) meses.

* Os candidatos que obtiveram seu diploma de graduação no exterior devem apresentar, obrigatoriamente, a revalidação de seu título por uma universidade pública brasileira (conforme a Resolução MEC/CNE nº 8 de 04/10/2007). Dessa forma, é necessário providenciar, entre outros documentos: cópias autenticadas, consularizadas e com tradução juramentada do diploma, do histórico escolar e do conteúdo programático, que deverão ser devidamente protocolados em instituição como, por exemplo, USP ou UNICAMP.

Matrículas da lista de espera: 03/04/2019 a 08/04/2019

6: Início das aulas: 08/04/2019