Home/Noticias/Só 2,7% dos cursos avaliados pelo MEC em 2011 têm nota máxima