Home/Noticias/Largar o emprego e continuar empregado: é o fenômeno da “quiet quitting”