Home/Noticias/Economistas elogiam meta, mas tem dúvidas