Home/Noticias/Agenda não pode ser só da Fazenda, diz Lisboa