IC-PMN Setembro 2009 – A importância do crédito para o empresário de pequeno e médio negócio

Insper Instituto de Ensino e Pesquisa

Além das perguntas que compõem o IC-PMN também foi perguntado aos empresários se a dificuldade de acesso ao crédito impactava seu negócio. A idéia central da pergunta era identificar a importância de restrições financeiras para o funcionamento das empresas. Foram dadas aos empresários três alternativas: muito, pouco ou nada.

As respostas indicam que 321 ou 26,8% da amostra responderam que o acesso ao crédito afeta muito o funcionamento da empresa, ou seja, aproximadamente um quarto das empresas podem ser classificadas como sendo restritas financeiramente. A pesquisa indica que a proporção de empresas restritas é maior no setor industrial (31,3%) do que no comércio (26,3%) e serviços (23,7%).

Os resultados também mostram que 36,8% das empresas declararam que o acesso ao crédito afeta pouco suas operações e 36,4% declaram que o acesso ao crédito não afeta as operações.

Um padrão interessante foi encontrado quando as perguntas que compõem o IC-PMN foram analisadas em conjunto com as respostas sobre o acesso ao crédito. Excetuando-se a questão relacionada ao investimento, os empresários que se declararam muito afetados pelo acesso ao crédito são mais pessimistas que aqueles que não apresentam restrições. Este resultado pode indicar que restrições ao crédito afetam a economia real já que, possivelmente, o maior otimismo com relação ao investimento pode estar relacionado à retomada do crédito da economia.

Gráfico ICPMN

voltar

Fale com o CPE

cpe@insper.edu.br

Insper
linkedin facebook twitter youtube flickr

Insper

Rua Quatá, 300 - Vila Olímpia
- São Paulo/SP -
Brasil
| CEP: 04546-042
| Tel:
(11) 4504-2400

Webmail | Intranet Corporativa
Todos os direitos reservados

Mapa do site Notícias Acessibilidade Fale conosco