Alumni em Destaque – Lucas Oliva Vicente

Insper
Insper Instituto de Ensino e Pesquisa

Agosto de 2007
“Usina de idéias”

Lucas Oliva Vicente
Economia, 2004

Lucas-Oliva-VicenteComo a maioria dos adolescentes que opta pela graduação em economia, Lucas Oliva Vicente, 24, sonhava em trabalhar no mercado financeiro quando entrou no curso do Ibmec São Paulo, em 2000. “Na época, pretendia ingressar em um banco de investimentos ou uma empresa de gestão de ativos, alguma área na qual desenvolvesse minha capacidade de análise”, comenta.

Entretanto, seu primeiro estágio, na Hedging-Griffo, mostrou que o campo escolhido não apresentava opções com as quais ele se identificasse. “Lá eu lidava muito mais com teoria e queria trabalhar com operacional. Além disso, meu maior objetivo era participar de processos de decisão e percebi que na área financeira isso demoraria”, diz.

Depois do estágio, Lucas teve que tomar a difícil decisão: aceitar a efetivação na empresa ou buscar o que desejava no mercado. Ficou com a segunda opção. “Quando terminei a faculdade fiz uma viagem pela Europa como ‘mochileiro’, durante 50 dias. Foi essencial para pensar em outras opções de mercado e acabar com a ‘fobia’ de que não teria sucesso se não ingressasse no mercado financeiro. Vi que poderia me sentir realizado e aplicar meus conhecimentos em várias áreas”. Decidiu, então, abrir uma empresa com um colega da faculdade que oferecia sistemas automatizados de gestão para condomínios residenciais e comerciais. Nesta fase, ele percebeu as dificuldades dos empreendedores no país. “A saída do meu sócio, por motivos pessoais, dificultou a manutenção da empresa, mas o que realmente me impediu foi o sistema tributário brasileiro. Era impossível pagar todos os impostos antes de ter gerado alguma receita, e o processo de regulamentação também é extremamente burocrático”, diz.

Com o fechamento da empresa, o economista não desistiu, entrou no Programa de Trainee da IBS (International Business Solution), empresa que presta assessoria a empresas para redução de custos de energia elétrica, e em pouco tempo conseguiu a efetivação. “Posso dizer que agora trabalho com o que gosto. O modelo é participativo, estou envolvido no processo de decisão e lido diretamente com os diretores, tudo o que eu queria para minha carreira”.

Lucas também comemora o modelo de remuneração, baseado em resultados, ou seja, ele recebe uma porcentagem do que o cliente consegue economizar de energia com o sistema proposto por ele.

Atualmente, seu principal trabalho é participar da estruturação de uma nova usina de energia, que dependa apenas de investimentos privados. “Tenho que mostrar para os clientes a necessidade de uma nova usina, pois depender do governo não vai resolver o problema da falta de energia, já que a burocracia deixa os processos lentos. Conseguindo contratos de compra de energia dessa nova usina eu consigo financiamento para construí-la”, explica.

Depois de tantos desafios vencidos, ajudar na construção de uma nova usina será apenas mais uma medalha para Lucas.

por: Maira Sester

voltar

Insper
linkedin facebook twitter youtube flickr

Insper

Rua Quatá, 300 - Vila Olímpia
- São Paulo/SP -
Brasil
| CEP: 04546-042
| Tel:
(11) 4504-2400

Webmail | Intranet Corporativa
Todos os direitos reservados

Mapa do site Notícias Acessibilidade Fale conosco