Alumnus da graduação vai além da experiência de estudo e volta ao Insper como colaborador na área de Relacionamento Institucional

Insper Instituto de Ensino e Pesquisa

Guilherme Rios Leite (ADM 2012) conta como é voltar à Escola como colaborador, cuidando de um projeto bastante importante para o Insper: o Programa de Bolsas.

 

Conte um pouco sobre sua experiência como aluno e o que te motivou a voltar para o Insper como colaborador?

Vim de uma escola que sempre prezou pelo lado social, com a preocupação de gerar impacto na sociedade, então quando comecei a pensar na minha graduação, queria que a escolha da minha carreira traduzisse isso. Durante os 4 anos de curso aqui fui bem participativo e pude fazer parte de várias organizações estudantis que eu acreditava que tinham algum impacto, como os Sementes Culturais, a AIESEC  e o Tombo. Também fui da Empresa Junior e da Bateria (Atlética).

Antes de me formar, entrei como estagiário na Avon, onde fiquei por pouco tempo. Em seguida, entrei em uma startup, uma consultoria estratégica de estratégia de longo prazo em negócios, na qual fiquei por quase 2 anos. Eu gostava muito de lá, mas sentia necessidade e vontade de voltar às minhas “raízes”, e focar no objetivo que eu tinha lá atrás, de atuar em algo onde eu pudesse causar algum tipo de impacto social. No início do ano passado fui convidado para integrar o Conselho Alumni, liderado pela Carolina da Costa, diretora da Graduação, e nesse momento fiquei sabendo da oportunidade de voltar para a Escola como colaborador, na área de Relacionamento Institucional. Fui pesquisar a respeito e vi que trabalhar com Educação seria algo que me deixaria realizado e me permitiria transformar a vida das pessoas. Participei do processo seletivo, passei e trabalho aqui desde abril de 2014.
Uma das coisas que mais me chamou a atenção quando voltei para cá como colaborador, foi o fato de ver que o Insper é, além de uma excelente faculdade, uma empresa muito organizada, com objetivos estratégicos, metas definidas, e preocupação em desenvolver seus colaboradores.

 

Qual a sua função exatamente dentro da área?

Sou responsável pelo Programa de Bolsas do Insper, uma das frentes da área de Relacionamento Institucional.

O Programa de Bolsas tem como objetivo atrair mais candidatos que têm vontade de estudar no Insper, mas têm necessidade de recursos financeiros para custear as mensalidades. Minha função é cuidar de todo o ciclo desses alunos, que vai desde a solicitação da bolsa de estudo, passando por todo o processo seletivo de concessão, finalizando no acompanhamento e relacionamento com eles durante todo o curso. Em todas as minhas atividades do dia a dia, tenho como meta criar um bom relacionamento com esses alunos, que atualmente já somam um total de 141 bolsistas (entre integrais e parciais). É muito gratificante trabalhar aqui, o lugar no qual me formei e que já tinha uma ligação muito forte!

 

Você acredita que o fato de já ter estudado aqui facilita seu trabalho no dia a dia?

Sim, com certeza isso me ajuda muito no entendimento do todo da Escola e tento sempre, no meu dia a dia, ter ainda esse olhar de aluno: entender o que ele esperaria ver, o que ele poderia desejar. É bom ter a visão do todo, pois muitas vezes consigo identificar problemas e propor sugestões pelos meus pontos de vista como ex-aluno, e alinhar isso hoje como colaborador. Além disso, claro, a bagagem de conhecimento e o senso crítico que o Insper me deu na Graduação. Todo o curso maravilhoso que eu fiz aqui me ajuda muito no ponto da carreira que eu estou.

Em relação à minha realização pessoal, trabalhar aqui cada vez mais alimenta a vontade de impactar a sociedade. Não sei como estarei no futuro, mas sei que quero continuar, de alguma forma, impactando.

 

Qual recado você deixaria para incentivar outros alumni a se aproximarem mais da Escola, seja através dos projetos de voluntariado, ou até como doadores do Fundo de Bolsas?

Fortaleci meu vínculo com a escola participando como voluntário no Conselho Alumni, que foi uma oportunidade incrível de aprender e contribuir com a faculdade. Além disso, assim que tomei conhecimento do Programa de Bolsas e comecei a trabalhar com isso, vi a importância que isso tem para a Escola e para a sociedade como um todo, e logo me tornei um doador do Fundo de Bolsas. Além de trabalhar com isso, acredito que participar dessa e de outras iniciativas, significa dar oportunidade para outros alunos terem a mesma oportunidade que eu tive, de ter essa experiência e um aprendizado fantástico. Então, estreitar os laços com o Insper, e principalmente doar para o Fundo de Bolsas, é uma coisa que eu sempre comento com meus amigos quando estamos conversando sobre projetos de impacto social. Acredito muito nesse programa e faço propaganda mesmo! Com muito orgulho me considero um promotor da marca e da Instituição.

Saiba mais sobre o Fundo de Bolsas do Insper: fundodebolsas.insper.edu.br

voltar

Insper
linkedin facebook twitter youtube flickr

Insper

Rua Quatá, 300 - Vila Olímpia
- São Paulo/SP -
Brasil
| CEP: 04546-042
| Tel:
(11) 4504-2400

Webmail | Intranet Corporativa
Todos os direitos reservados

Mapa do site Notícias Acessibilidade Fale conosco