Home/Agenda de Eventos/Do limão, uma limonada: como 3 concordatas dos 20 aos 23 anos ajudaram Vasco Oliveira a ser um empreendedor de sucesso

Insper Talks

Vasco Oliveira apresentou sua trajetória como empreendedor e investidor, que começou trabalhando na empresa da família, fundou uma nova empresa em sociedade com a mãe e as irmãs, enfrentou as várias fases de ser um empreendedor, incluindo a venda do próprio negócio, passou a ter vários fundos como sócio, até se tornar investidor e sócio de uma das gestoras mais tradicionais do Brasil.

 

Veja como foi:

Informações

Data: 14/06/2022

Horário: 19h30

INSCRIÇÕES

Realização:

Conheça os participantes

Amedeo Papa

É sócio fundador da Pracis, cujo propósito é apoiar famílias empresárias a desenvolver e prosperar. Membro da lista de mediadores do CAM-CCBC, FIESP e OAB/SP. Possui mais de 25 anos de experiência, atuando como: negociador e mediador de conflitos; diretor de novos negócios e projetos; diretor de instituição financeira; executivo de multinacional; consultor e advogado de empresas. Mentor do Quintessa, aceleradora de negócios de impacto. Co-autor dos livros: “Empresas Familiares e Famílias Empresárias: Governança e Planejamento Sucessório” e “Aspectos Relevantes da Empresa Familiar”.

Vasco Carvalho Oliveira Neto

Formado em Direito pela Universidade de São Paulo (USP) e em Administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem MBA pela Fundação Dom Cabral. Acumula 22 anos de experiência na AGV Logística, empresa que fundou em 1998 e onde exerceu o cargo de CEO e de presidente do Conselho de Administração até 2020. Em 2020, juntou-se à Zeca Magalhães, Pedro Faria e Marcelo Lima tornando-se sócio da SK Tarpon. No mesmo ano, fundou a Niche Partners, gestora de investimentos focada em líderes de mercado de nicho e, alguns meses depois, criou a nstech, plataforma de tecnologia para logística e mobilidade, onde permaneceu como CEO até abril de 2022. Atualmente, Vasco segue na cia como executive chairman, com olhar para a estratégia do negócio e futuras operações de M&A da holding. Hoje, a nstech já conta com 19 empresas, a maioria líder em seus segmentos de atuação, o que já a torna a maior plataforma de tecnologia para logística da América Latina. Está ainda no Instituto C, uma organização social sem fins lucrativos, como membro do Conselho de Administração desde 2016. Foi também presidente do Conselho da Abol Brasil (Associação Brasileira de Operadores Logísticos).